• José Alsanne

Minidocumentário FavelAldeia apresenta intercâmbio cultural em terras indígenas


Em agosto, o Canal Plá lançou seu novo minidocumentário, no Youtube. Intitulado "FavelAldeia - Nossas Lutas São As Mesmas", o vídeo mostra a experiência de um intercâmbio cultural entre jovens artistas e produtores de favelas do Rio de Janeiro e os habitantes do território Tupinambá de Olivença, em Ilhéus, na Bahia.

Para José Alsanne, diretor do minidocumentário, o processo de filmagem foi "uma experiência de vida dentro de uma experiência audiovisual". Em "FavelAldeia - Nossas Lutas São As Mesmas" as realidades entre território indígena e cidade global, aparentemente opostas, encontram um ponto em comum e estabelecem um diálogo.

Segundo José, o intuito do vídeo, que tem 16 minutos, é trazer à tona a realidade e as lutas do povo indígena. "Acredito que a questão indígena é uma pauta prioritária. No Rio, eu sou muito afetado positivamente pelas novas narrativas do empoderamento LGBT e o empoderamento preto e crespo, o Canal Plá todo é, na verdade. Com este material, espero que as pessoas tomem a luta indígena para si e pesquisem mais sobre essa nossa origem e a realidade desses povos", explica o diretor.

O intercâmbio, realizado pelo Instituto Raízes em Movimento, durante os III Jogos Estudantis Indígenas Tupinambá, teve o patrocínio do Ministério da Cultura, e levou às terras indígenas músicos, grafiteiros, fotógrafos e produtores audiovisuais de coletivos como Barraco #55, Coletivo Papo Reto e Fala Manguinhos, todos moradores de favelas da Zona Norte carioca.

Histórico de atuação

O Canal Plá nasceu com o desejo de produzir memória audiovisual sobre os coletivos, iniciativas, pessoas e instituições que promovem ações de cunho sociocultural nas áreas de periferia da região metropolitana do Rio de Janeiro. As primeiras filmagens - puras experimentações audiovisuais - começaram em julho e o primeiro minidocumentário foi lançado em agosto de 2015, com quatro diferentes coberturas e uma videoarte. De lá pra cá, foram produzidos sete minidocumentários, um videoclipe, uma videoarte, quatro entrevistas e um debate.

Um dos aspectos do canal é preservar no registro a essência do evento ou da ação. Para isso, quem conta a história são os produtores, intervenções e público, fugindo do modo tradicional e acadêmico de se fazer jornalismo, onde a presença e a locução do repórter são fundamentais.

#vídeo #favelaldeia #minidoc #minidocumentário #tupinambá #tupinambádeolivença

1 visualização

© 2019 por L2 Mídias Sociais

 (21) 96658-0958 | contato@canalpla.com

  • Branca Ícone Instagram
  • Facebook B&W
  • White YouTube Icon